Para que qualquer empreendimento dê certo e alcance o sucesso e os resultados almejados é preciso que tenha um bom planejamento, mas acima de tudo, que saiba conduzir e orquestrar eficientemente suas ideias – assim, se consegue com uma boa gestão de projetos.

Mas antes de entender o que é gestão de projetos, é preciso entender o que é um projeto. Trata-se de um processo temporário que tem um único e bem definido objetivo. Um projeto tem a capacidade de se estender a diversas instituições, sendo elas, pequenas ou grandes, com ou sem fins lucrativos, a justificativa é, que todas almejam alcançar suas metas e otimizar os seus resultados de uma forma mais organizada e mensurável. Para que você entenda melhor, confira alguns exemplos:

  • Desenvolver um novo produto a fim de colocar uma empresa de volta no mercado de forma competitiva;

  • Fazer com que uma campanha de vacinação alcance o resultado esperado (em número de crianças vacinadas e na erradicação da doença);

  • Garantir que crianças e jovens em situação de risco possam se ocupar praticando esportes.

O Foco Educação Profissional tem um curso online que destrincha os processos de um projeto e sua gestão nesses três cenários - de conceitos básicos, técnicas e ferramentas até a influência da dimensão humana nos resultados.

O curso de gestão de projetos do portal é desenvolvido por um setor pedagógico capaz e dedicado para conseguir oferecer conteúdos atualizado, relevante e objetivo, sempre pensando no aluno. Desta maneira, é uma ótima oportunidade para você se aperfeiçoar e capacitar-se para o mercado, seja você da área ou apenas interessado no tema.

Neste artigo vamos mostrar um pouco sobre os tópicos abordados no curso online Gestão de Projetos, um dos excelentes cursos online da área administrativa que o portal disponibiliza. Acompanhe e pegue nossas dicas ao longo do texto.

O que é gestão de projetos

Conceituando resumidamente o que é gestão de projetos: é uma área da administração, imprescindível para que as organizações consigam implementar com êxito novos processos. Para que isso aconteça são aplicados conhecimentos, técnicas e habilidades a um grupo de objetivos definidos previamente, considerando aspectos como: custo, prazo e qualidade.  Apesar das ligeiras variações sobre o que é gestão de projetos, este conceito é amplamente usado desde 2004, sua definição foi dada pelo PMI (Project Management Institute), que elaborou um guia que é considerado a bíblia do gerenciamento de projetos: o PMBOK – Guide to the Project Management Body of Knowledge.

Cursos relacionados que podem te interessar:

Gestão do conhecimento em projetos

Agora vamos destrinchar alguns processos sobre gestão de projetos para que você entenda detalhadamente como cada um funciona na prática. 

Gerenciamento dos recursos humanos

Responsável por planejar, executar, monitorar e controlar, essa área identifica e documenta as funções do projeto, assim como as habilitadas necessárias e as responsabilidades.

Seu principal benefício é determinar papéis e responsabilidades da equipe, os organogramas e a gestão de pessoal, inclusive o calendário de contratação e liberação dos colaboradores.

Gerenciamento das comunicações

Esta área de conhecimento utiliza todos os processos necessários da comunicação no projeto, da geração à destinação final. Os envolvidos devem entender a importância da comunicação, pois ela pode impactar diretamente no projeto, uma vez que deve garantir que não haja interferência de ruídos.

Gerenciamento dos stakeholders

O correto gerenciamento dos stakeholders ou partes interessadas é identificar as pessoas ou organizações que podem ser afetadas ou afetar uma decisão, bem como uma atividade ou mesmo o resultado do projeto. Nesse gerenciamento se desenvolvem estratégias que envolvam as partes interessadas, baseadas em seus interesses, necessidades e potencial de impacto.

Há, no total, nove áreas do conhecimento de gerenciamento de projetos, todas conceituadas no curso online Gestão de Projetos.

Conceitos importantes na gestão de projetos

A introdução à gestão de projetos  deve começar pela definição de alguns termos mais comuns utilizados:

  • Escopo: se divide em dois conceitos. Um deles é o "escopo do projeto" e diz respeito a tudo que se deve realizar para entregar um serviço, produtos ou resultado, conforme o especificado. Já o "escopo do produto" é tudo que caracteriza o produto, serviço ou resultado.

  • Patrocinador: é a pessoa dentro da organização que apoia - política ou financeiramente – o projeto. Pode ser um gerente ou um diretor, por exemplo.

  • Stakeholders: são todos os envolvidos no projeto, fornecedores, clientes, membros da equipe etc.

  • Marcos do projeto: também denominados milestones. São utilizados para dar visibilidade no processo, marcando sempre que uma etapa acaba. Se atrasar a entrega de um marco, significa que há algum problema na condução dos processos.

  • WBS (Work Breakdown Structure) - detalha cada atividade do projeto, indicando as subtarefas que precisam ser realizadas para que se atinja o objetivo.

  • Baseline: guia do que se planejou, com as alterações aprovadas. É um modelo que orçamento e cronograma devem ter.

Outros conceitos são vistos no curso de gestão de projetos online, pois é de extrema importância que pessoas da área conheçam todos os termos técnicos utilizados.

O que é gestão de projetos

Desafios de um Gerente de Projetos

Profissional muito disputado no mercado administrativo, possui forte presença no meio corporativo. Confira logo abaixo, o que faz na prática um gerente de projetos e como entrar e se destacar neste mercado.

Como se tornar um gerente de projetos

Então, vamos começar as nossas dicas para aqueles que nunca trabalharam na área e tem intenção de começar. Uma das melhores formas de introduzir-se no assunto é por meio de cursos a distância. Um curso de gestão de projetos online disponibiliza os aspectos principais da ferramenta e amplia os conhecimentos do aluno, por meio de fundamentos e de exemplos práticos.

Adquirindo uma boa base, o aluno pode começar aplicar o que aprendeu em pequenos projetos como forma de exercício. Administrar a reforma de uma casa ou até mesmo uma viagem de férias, são exemplos de como começar, esse tipo de iniciativa faz com que você adquira a segurança para partir para os projetos "oficiais". 

Quem já atua no campo administrativo e quer direcionar a sua carreira para o gerenciamento de projetos, também pode contar com cursos online com certificado como forma de aperfeiçoamento para dar um novo rumo à carreira.

Estudantes de cursos técnicos e de graduação têm fortes motivos para fazer nossos cursos online: o de gestão de projetos vai reforçar a aprendizado no tema – afinal, nunca é demais aprimorar o que se estuda na disciplina. O outro motivo é que cursos online com certificado podem ajudar como créditos, nas atividades complementares do curso.

O que faz um gerente de projetos

Agora que você descobriu como ingressar nesta área, vamos ressaltar o que você irá fazer de fato. O gerente de projetos representa a organização perante seus clientes. Esse cargo exige características bem específicas como liderança, responsabilidade, conhecimentos e habilidades, a fim de conduzir os processos para que garantam bons resultados às organizações.

O gerente de projetos os gerencia, faz o planejamento de sua execução, acompanha o escopo e o desenvolvimento das rotinas para que as metas sejam cumpridas, com os custos e prazos que foram estabelecidos previamente. Também é de sua alçada identificar os riscos e estudar formas de abrandar os possíveis impactos e corrigir as ações.

3 habilidades de um bom gestor de projetos

Nosso curso de gestão de projetos vai trabalhar também o perfil do gestor, mostrando como destacar seus pontos fortes e não deixar que sejam ofuscados pelos pontos fracos. No curso online o aluno aprenderá quais são as habilidades que mais destacam um bom gestor. Veja três delas a seguir.

  1. Liderança

O líder é aquela pessoa que inspira a sua equipe a ir com ele seja para onde for. Ele motiva e promove a interação entre a sua equipe. Além disso, conhece cada pessoa de sua equipe e suas competências e sabe exatamente onde encaixá-la.

O líder também sabe promover um ambiente de trabalho agradável e saudável, o que resulta em pessoas felizes e motivadas sendo muito mais produtivas.

A liderança nem sempre é nata, mas pode ser desenvolvida, por meio de treinamentos e cursos a distância sobre liderança. Essa habilidade também é um dos tópicos desenvolvidos em nosso curso online Gestão de Projetos.

  1. Comunicação

Muitos projetos não andam conforme o planejado por causa da má comunicação, o que a torna essencial para que tudo dê certo. O processo de comunicação durante cada etapa de um projeto deve ser transparente, e incentivar a troca de ideias. O gerente de projetos pode melhorar a produtividade de sua equipe ao adotar meios de melhorar a comunicação entre os envolvidos.

  1. Negociação

A gestão de projetos envolve vários aspectos que exigirão do gestor a habilidade em negociação. Um projeto envolve diferentes interesses, pessoas a serem convencidas a fazer o que não querem, conflitos, pedido de mais recursos e prazos, citando alguns. Portanto, além de gerenciar o projeto em si, esse profissional tem que gerenciar todo o ambiente que o envolve.

Essas habilidades são pontos tratados em nosso curso de gestão de projetos online, mas o portal tem outros cursos a distância que abordam especificamente essas capacidades.  Eles ensinam técnicas e práticas de negociação, como desenvolver uma comunicação efetiva e como desenvolver ou treinar a habilidade de liderança.

Gestão de conflitos

A introdução à gestão de projetos inclui a abordagem sobre o aspecto humano. Ferramentas como gestão de pessoas e de conflitos são necessárias para uma gestão de projetos eficiente.

A demanda do projeto é uma fonte comum de conflitos. Uma demanda pode ser conflitante com relação à outra, por isso, o gestor deve ser capaz de avaliar o que valorizará mais o projeto.

O Guia PMBOK tem algumas dicas para o gerenciamento de conflitos:

  • Incorporar os diferentes pontos de vista que possam resultar em um consenso e compromisso – requer a habilidade da comunicação;

  • Encontrar soluções que resultem em satisfação aos envolvidos;

  • Ressaltar áreas de acordo e minimizar as diferenças; entre outras.

Quer uma excelente dica? O curso online de gestão de conflitos reforça e aprimora os conhecimentos nessa área, estratégica dentro das organizações.

A dimensão humana em projetos

Assim como a técnica, a dimensão humana tem um grande papel no resultado de sucesso de um projeto. Rocha e Lopes, autores de Adequando a Dimensão Humana no Gerenciamento por Projetos, dizem que há quatro pilares essenciais da dimensão humana na gestão de projetos:

a) Ter o estilo de liderança lapidado;

b) Desenvolver uma equipe de alto desempenho;

c) Considerar as necessidades e expectativas dos stakeholders para agir;

d) Ter uma comunicação eficaz.

Entretanto, projetos são passíveis de fracasso – e eles fracassam, pode ter certeza. Das causas mais comuns, algumas estão relacionadas com a dimensão humana:

a) Fragilidade da equipe;

b) Falta de comprometimento das partes interessadas;

c) Falta de liderança;

d) Comunicação ineficaz.

A dimensão humana nas organizações deve estar bem integrada às demais – comerciais, técnicas e financeiras. É papel dessas entidades apoiar o desenvolvimento e crescimento de seus colaboradores, por meio de orientação e mobilização de suas habilidades e esforços, criando oportunidades de aprendizagem e elevação da autoestima.

A dimensão humana leva ao próximo tópico, o último que abordaremos neste artigo sobre nosso curso online Gestão de Projetos: a inteligência emocional e de que forma ela se relaciona com o gerenciamento de projetos.

Os certificados do Foco Educação Profissional podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Importância da inteligência emocional

O psicólogo e escritor Daniel Goleman popularizou o termo "inteligência emocional" nos anos 80, quando lançou um livro com esse mesmo título. Goleman diz que inteligência emocional (IE) é a "capacidade de identificar os nossos próprios sentimentos e os dos outros, de nos motivarmos e de gerir bem as emoções dentro de nós e nos nossos relacionamentos" e que, como resultado disso, a IE pode ser decisiva para o sucesso ou insucesso de cada pessoa.

Duas décadas depois, Anthony Mersino, profissional da área de gerenciamento de projetos, decidiu adaptar os conceitos de Goleman para influenciar de forma positiva no desenvolvimento e resultados de projetos. Mersino é autor do livro "Inteligência Emocional para Gerenciamento de Projetos".

De acordo com Mersino, ao aplicar os conceitos de IE à gestão de projetos se pode alcançar objetivos como:

  • Motivar, fazer mentoring e coaching com a equipe;

  • Estabelecer eficientemente o direcionamento do projeto;

  • Criar um bom ambiente de trabalho;

  • Lidar positivamente com o estresse;

  • Comunicar-se com mais eficácia; e outros.

Mersino apresenta uma estrutura de inteligência emocional para gestão de projetos dividida em cinco quadrantes, com aspectos de inteligência inter e intrapessoal. Nos primeiro e segundo quadrantes o autor coloca as habilidades intrapessoais (autoconsciência e autogerência), nos demais – terceiro, quarto e quinto – ele coloca as interpessoais (comunicação, gestão de relacionamentos e liderança de equipe, respectivamente).

Veja uma breve definição de cada um deles:

♦ Autoconsciência emocional: mostra o gestor de projetos como apto a entender suas emoções, atento a tudo o que sente.

♦ Autogerenciamento: aqui o gestor é capaz de autogerenciar o que sente. A premissa é de que ele consiga controlar seus sentimentos e evitar que eles o controlem. A etapa é composta de técnicas que regulam as emoções a fim de identificar e impedir que gatilhos e pensamentos causem colapsos emocionais.

♦ Consciência social: esta é a etapa em que o gerente de projetos entende as emoções dos outros colaboradores, após ter entendido e conseguido controlar as suas, com a finalidade de conseguir desenvolver trabalhos em conjunto ou através das outras pessoas.

♦ Gestão de relacionamentos: concluídas as etapas anteriores, a de relacionamentos diz respeito a se observar habilidades como comunicação, liderança e a relação com os stakeholders. Este último, se administrado de forma inteligente emocionalmente, aumentará as probabilidades de sucesso do projeto.

♦ Liderança de equipe: conseguir as pessoas certas, saber como comunicar-se com elas, afastar conflitos, motivar os colaboradores e várias outras técnicas pertinentes a um bom líder. Uma liderança eficiente consegue afastar os obstáculos e levar a sua equipe ao sucesso na produção e alcance dos objetivos do projeto.

Resumidamente, conhecer a si mesmo e as características pessoais de cada um da equipe se torna essencial para conseguir o melhor que cada colaborador da equipe tenha a oferecer. Trabalhar a inteligência emocional é importante e pode ser usada a favor na gestão de projetos.

Capacite-se com qualidade no Foco Educação Profissional

O curso de gestão de projetos é um entre os mais de 1.000 cursos online com certificado que o Foco Educação Profissional tem a lhe oferecer. Cada curso online do portal lhe deixa bem preparado para encarar as exigências do mercado de trabalho, que pede profissionais bem qualificados e em constante atualização. Não perca tempo e faça a sua inscrição no portal e comece a estudar agora mesmo.

O investimento é de R$ 69,90, em taxa única e sem mensalidades, e você pode acessar e fazer todos os cursos online disponíveis no Pacote Master, durante um ano inteiro. Antes de clicar para se inscrever, nos conte se gostou deste artigo, a sua opinião é muito importante e relevante para nós. Bons estudos e até breve!