Deficiência Física: por que você precisa se engajar nessa pauta? - Blog do Foco Educação Profissional

 BLOG

Blog Foco Educação Profissional

Cursos online, dicas, mercado e muito mais

deficiência física
 Equipe Foco Educação Profissional  29/03/2017
Deficiência Física: por que você precisa se engajar nessa pauta?

Toda pessoa está propensa a ter algum tipo de deficiência física. São vários os perigos nos quais estamos expostos a cada dia e levam qualquer um a passar por uma situação difícil, tendo que se adaptar a um novo estilo de vida, sobretudo quando se trata de acessibilidade. Quantas histórias já não escutamos de indivíduos que se acidentam e se tornam paraplégicos? Pois é.

Embora essa não seja a única causa dessa condição, entender o que é deficiência física, como se manifesta e quais os principais tipos torna-se primordial para muitos profissionais e pessoas que precisam lidar com essa condição de diversas formas. Sendo assim, é imprescindível contar com as melhores fontes de informação, como manuais (o estatuto da pessoa com deficiência, por exemplo), artigos e cursos online que contextualizam esse tema passo a passo.

Quando se trata da última opção, aqui no Foco Educação Profissional temos o Curso Online Deficiência Física, um conteúdo exclusivo que informa e deixa o aluno capacitado quanto ao entendimento de tudo que permeia esse conceito, da definição aos tipos, direitos e métodos educativos. Com certeza, é um dos melhores cursos EAD para quem busca compreender e ir além em sua formação.

Inspirados nesse material, preparamos este artigo com alguns pontos interessantes sobre a deficiência física que, com certeza, você vai gostar muito de saber. A partir daí, ficará instigado a desbravar os detalhes por meio de nossos cursos à distância versáteis e diversos sobre o assunto. Está pronto? Então, vamos começar agora.

O que é deficiência física?

Essa é a primeira e mais clássica pergunta que parece óbvio responder, mas vai muito além do que o senso comum acredita. Sempre que se pensa em deficiência física, logo vem à mente uma pessoa na cadeira de rodas, é quase como se fosse uma representação, talvez pelo símbolo que indica vagas para deficientes em estacionamentos e similares. Mas, é bom deixar claro que vai muito além disso.

Segundo o decreto 3.298/99 da legislação brasileira, deficiência física é considerada ‘’toda perda ou anormalidade de uma estrutura ou função psicológica, fisiológica ou anatômica que gere incapacidade para o desempenho de atividade, dentro do padrão considerado normal para o ser humano’’. Além disso, é uma "alteração completa ou parcial de um ou mais segmentos do corpo humano, acarretando o comprometimento da função física, apresentando-se sob diversas formas, exceto as deformidades estéticas e as que não produzam dificuldades para o desempenho de funções".

Conhecida também como deficiência motora, é um tipo que aparece em segundo lugar na lista de brasileiros afetados. Dos 23,9% que apresentam algum grau de deficiência, 7% apresentam essa condição, independente da forma que acontece, segundo números do IBGE revelados pelo Conade. Conforme explicaremos no próximo tópico, existem várias classificações que não são tão conhecidas e sempre levam a equívocos.

Não é à toa que existem uma série de medidas e campanhas que visam trazer a deficiência física à tona, para que seja realmente debatida em todos os lugares e criem um pensamento consciente na população, sobretudo para que ajudem na cobrança dos direitos desse grupo. Quando se trata de inclusão social, por exemplo, ainda há muito o que fazer e grande parte do público só se dá conta disso quando começa a conviver com alguém nessa condição.

Tanto por isso, esses programas devem aumentar cada vez mais para que as pessoas se mantenham informadas sobre esse assunto. Além deles, também há a possibilidade de saber mais fazendo cursos online com certificado. Um advogado, por exemplo, deve entender para defender um indivíduo com cadeira de rodas que se sentiu lesado de alguma forma. Já um empreendedor e um profissional de recursos humanos, para saber como contratar pessoas com deficiência para sua empresa e, assim, promover melhorias eficientes para seu trabalho, como determina a lei. O que não faltam são motivos para estudar, aprender e se qualificar com cursos EAD dessa pauta que sempre será recorrente e necessária. Não dá para deixar de lado esse conhecimento.

Cursos relacionados que podem te interessar:

No Foco Educação Profissional você se matricula por 1 ano, investindo apenas R$69,90, sem mensalidades. Você terá acesso a mais de 750 cursos e contará com a opção de obtenção de certificados de diversas cargas horarias, que vão de 5 até 360 horas. Inscreva-se agora mesmo.

Quais são os tipos de deficiência física?

Chegamos ao principal tópico de nosso artigo e que vai desmitificar muita coisa. A compreensão do que é deficiência física e sua classificação é fundamental para saber como lidar com os diferentes casos em situações distintas. Portanto, vale a pena conhecer um por um:

  • Paraplegia: Perda total da função motora dos membros inferiores (pernas, pé, cintura pélvica).
  • Paraparesia: Perda parcial da função motora dos membros inferiores.
  • Monoplegia: Perda total das funções motoras de apenas um membro seja inferior ou superior (braços, mãos, ombro, punho, antebraço).
  • Monoparesia: Perda parcial das funções motoras de apenas um membro seja inferior ou superior.
  • Tetraplegia: Perda total das funções motoras dos membros inferiores e superiores.
  • Tetraparesia: Perda parcial das funções motoras dos membros inferiores e superiores.
  • Triplegia: Perda total das funções motoras em três membros.
  • Triparesia: Perda parcial das funções motoras em três membros.
  • Hemiplegia: Perda total das funções motoras de um hemisfério do corpo (direito ou esquerdo).
  • Hemiparesia: Perda parcial das funções motoras de um hemisfério do corpo (direito ou esquerdo).
  • Amputação: Perda total ou parcial de um membro ou segmento de membro.
  • Ostomia: Intervenção cirúrgica que leva a um ostoma, uma abertura na parede abdominal para adaptar uma bolsa de coleta/sonda, construindo um caminho novo e alternativo para coleta de urina (urostomia) e fezes (colostomia) do corpo para o exterior, a fim de eliminá-los.
  • Paralisia Cerebral: Lesão em uma ou demais áreas do sistema nervoso central, que leva a alterações psicomotoras e causam até deficiência mental.

Considerando tanto o último tipo, especialistas afirmam que, dependendo do grau e de como afeta determinado indivíduo, a deficiência física pode acarretar em problemas de aprendizado da linguagem, leitura e escrita, reconhecimento espacial e também de seu próprio corpo. Isso se dá geralmente quando uma pessoa já nasce com essa condição.

Além disso, é importante destacar também os quatro fatores que caracterizam uma deficiência física. Ela pode ser:

  • Temporária: se tratada a tempo, permite que o indivíduo volte às condições anteriores.
  • Recuperável: quando o tratamento garante uma melhora ou outra área supre as necessidades da região atendida tranquilamente, sem afetar no desenvolvimento da pessoa.
  • Definitiva: situação em que, mesmo com tratamento, não há chance de cura, suplência ou substituição do membro afetado.
  • Compensável: permite a substituição da parte acometida por uma alternativa. Após uma amputação de perna, por exemplo, o indivíduo pode receber uma prótese mecânica para que possa melhorar sua mobilidade e para que não dependa mais de uma cadeira de rodas.

É interessante entender que há muitas variáveis e cada caso é um caso quando se trata do assunto. As pessoas têm dificuldades específicas e que não devem ser aplicadas nunca a um grupo, por mais que tenham semelhanças. Por isso, contar com a ajuda de médicos, educadores e profissionais direcionados para determinado problema é essencial para um pleno desenvolvimento.

Quem é dessa área, por sua vez, precisa estar sempre atualizado para orientar pais, responsáveis e o próprio indivíduo afetado. Para se sentir pronto, é fundamental se certificar. Nesse caso, o Curso Online Deficiência Física é um dos cursos online mais indicados, abordando tudo o que é necessário e essencial compreender sobre um assunto tão sério.

Quais as causas da deficiência física?

Agora que você já conhece os tipos de deficiência física, é fundamental também saber quais as principais causas. Há muitas situações em que podem ocorrer e, infelizmente, qualquer pessoa com ‘’condições normais’’ de mobilidade e capacidade motora pode ser afetada, vindo a fazer parte desse grupo e tendo que pensar ainda mais em sua adaptação e inclusão social. Portanto, a deficiência física pode ser:

Hereditária

A deficiência física hereditária normalmente provém de doenças causadas por fatores genéticos. Manifesta-se logo no nascimento ou ao decorrer da vida, como a esclerose múltipla, que enfraquece os membros e pode levar à falta de coordenação e até à perda da visão e audição.

Congênita

Trata-se da condição que já existe no indivíduo ainda na fase intra-uterina, antes do nascimento. O bebê já vem ao mundo com a deficiência e esta já começa a ser tratada rapidamente, desde os primeiros dias de vida.

Adquirida

Já uma deficiência física adquirida é aquela que todos têm risco de desenvolver por diversos motivos, seja pelo aparecimento de infecções, traumatismos, infecções ou acidentes (trânsito ou armas de fogo). Podem ocorrer em qualquer fase da vida e mudar radicalmente a vida de uma pessoa.

Nesse caso, vale a pena destacar que, mais do que a deficiência causada por doenças, o aparecimento se dá em grande parte pelos acidentes de trânsito. Segundo o Portal Brasil, a imprudência é a principal responsável por mutilar e provocar lesões sérias em diversas pessoas em todo o país. O Denatran revela que surgem cerca de 501 mil indivíduos vítimas não fatais desses eventos por ano, ficando com marcas permanentes e entrando para o grupo de deficientes físicos, que dependem ou de cadeira de rodas ou outros aparatos, materiais e tratamento para se adaptarem a essa situação.

deficiência física

É possível prevenir e tratar a deficiência física?

Com certeza. A prevenção, nesse caso, se aplica aos primeiros testes com o bebê para identificação de possíveis condições hereditárias. Ainda na gestação, é fundamental que toda mãe realize os exames de pré-natal e, após o nascimento, de pós-natal. Entre os maiores exemplos estão os conhecidos teste da orelhinha e teste do pezinho, que verificam a manifestação de males genéticos.

Além disso, o acompanhamento pediátrico é essencial nos primeiros anos de vida da criança. É nessa fase que podem aparecer doenças como meningite ou lesões que afetam o sistema nervoso central, o que leva ao desenvolvimento de deficiência física caso não sejam tratados a tempo.

Por outro lado, no caso de um evento chocante e traumático, infelizmente é impossível prever, já que estamos sempre vulneráveis em qualquer lugar que estivermos. É claro que dá para ser mais cauteloso, sobretudo ao dirigir. Nesse caso, a melhor prevenção seria investir em educação no trânsito e em programas de diminuição da violência, já que em assaltos uma pessoa também pode ser surpreendida com um tiro que pode causar consequências sérias.

São situações tristes, mas que acontecem. Por isso, é importante ter em mente que é preciso se conscientizar e entrar na luta pela melhoria da mobilidade, acessibilidade e luta dos deficientes físicos pela inclusão social e outros direitos. Nesse ponto, vai desde aspectos de saúde – com um bom atendimento e acompanhamento – até educação especial inclusiva e assistência social.

Nesse caso, profissionais desses ramos devem estar sempre por dentro do assunto para prestarem atendimentos de excelência e orientarem da melhor forma. Dominar o assunto é primordial tanto na teoria quanto na prática, para tomar sempre as melhores decisões. É por isso que indicamos os cursos online com certificado do Foco Educação Profissional, ótimos para qualificar e se tornar um expert.

Lidar com grupos vulneráveis é inspirador e poder contribuir para dar mais dignidade à vida deles é melhor ainda. O poder dos cursos à distância é proporcionar todas essas vantagens e disponibilizar um ambiente virtual moderno, preparado para um aprendizado orgânico e eficiente.

Deficiência física e acessibilidade: o grande desafio

Hoje em dia, o principal desafio de um deficiente físico é a acessibilidade, sobretudo aqueles que dependem de cadeira de rodas e outros equipamentos. Como se sabe, muitos lugares, sobretudo aqueles mais afastados dos grandes centros urbanos, não contam com ruas e lugares adaptados nem com simples rampas para que se locomovam. Pior que isso, há lojas, empresas, instituições e até transportes que ainda não abriram os olhos para essa realidade.

Paralelo a isso, ainda é forte o preconceito quando se trata desse grupo. A ignorância, a falta de compreensão e empatia leva muitas pessoas a acreditarem que um deficiente físico não tem condições de trabalhar, passear, morar sozinho, frequentar os mesmos lugares que todos, namorar, entre todas as atividades que qualquer ser humano tem necessidade de fazer.

É primordial entender que, independente do grau de deficiência, com a orientação correta e um tratamento bem realizado, qualquer pessoa pode viver tranquilamente, com todos os direitos e deveres de cidadão. Só que ainda é importante garantir que a justiça seja feita quando se trata daquilo que é básico para sua sobrevivência e realização de tarefas.

Felizmente, hoje em dia vemos muitas leis e campanhas que visam conscientizar a população e dar voz às pessoas com deficiência física. É importante considerar também que toda empresa deve ter essa pauta de inclusão social em sua cartilha, tanto pela necessidade de contratar indivíduos desse grupo quanto para pensar em métodos de melhoria de sua acessibilidade no local e arredores.

Portanto, é uma forte pauta para os profissionais de recursos humanos, administradores e empreendedores em si. Se você está nesse setor e ainda tem dúvidas, pode começar fazendo a diferença se informando por cursos online que abordam o tema e ainda dão um plus em seu currículo. E isso vale para todo cidadão engajado, já que pode acontecer com qualquer pessoa próxima ou com você mesmo. Logo, se interessar e ajudar na luta dos direitos da pessoa com deficiência física é uma ótima opção e rende muitos ganhos para todos.

Os certificados do Foco Educação Profissional podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica
No Foco Educação Profissional você se matricula por 1 ano, investindo apenas R$69,90, sem mensalidades. Você terá acesso todos mais de 750 cursos e contará com a opção de obtenção de certificados de diversas cargas horarias, que vão de 5 até 360 horas. Inscreva-se agora mesmo.

Por que precisamos saber mais sobre deficiência física?

Como já dissemos, é conveniente que todos os profissionais e pessoas em sua totalidade entender os desafios e se engajar na luta pela melhoria da vida das pessoas com deficiência, seja física, mental ou com algum transtorno global do desenvolvimento. Inclusão social é a palavra da vez e, mais do que nunca, deve ser colocada em prática.

Justamente por isso, indicamos tanto o Curso Online Deficiência Física quanto demais cursos online com certificado do nosso portal, para que indivíduos de todas as áreas possam se qualificar tanto de modo profissional quanto pessoal. No Foco Educação Profissional há diversos cursos à distância dessa pauta e mais de 700 dos mais variados assuntos.

A vantagem é que você pode ter acesso a todos os cursos EAD por um ano inteiro, investindo um valor único de R$ 69,90. Pois é, todo esse ambiente virtual versátil e eficiente fica à sua disposição e você ainda escolhe a carga horária, estudando de 5 a 360 horas, conforme achar melhor para atender suas necessidades. Ótimo, não é? Então, inscreva-se agora.

Ah, e além disso, não deixe de comentar e compartilhar com os amigos. Até mais!

Data Modificação  15/03/2017
Colunista

Equipe Foco Educação Profissional

 

.

 Aguarde...

© Foco Educação Profissional - Todos direitos reservados

  • Belo Horizonte - MG +55 (31) 2595-0784
  • Rio de Janeiro - RJ +55 (21) 3828-0256
  • São Paulo - SP +55 (11) 4858-9920
  • Salvador - BA +55 (71) 2886-0540
Use seu smartphone para ler este codigo.

C
o
m
p
a
r
t
i
l
h
a
r